quarta-feira, 21 de maio de 2014

Pastor evangélico e motorista, são presos e culpados pela morte de 32 crianças em ônibus

Ônibus que trazia crianças de um evento evangélico na Colômbia pegou fogo, 32 crianças morreram carbonizadas e 13 estão hospitalizadas. Foram responsabilizados criminalmente pelo acidente o pastor da Igreja onde as crianças congregavam e o motorista.

Por: Redação, InforGospel

O pastor da Igreja Evangélica Pentecostal da Colômbia Manuel Ibarra (na qual as crianças congregavam) e que contratou o motorista do ônibus (Pastor Jaime Gutierrez, 56 anos) para transporta-las para uma escola dominical, foram presos, acusados pelo crime de homicídio doloso (onde se tem a intenção de matar); Informou o advogado Mauricio Ramirez. A pena máxima pedida pela acusação é de 60 anos de prisão.

O acidente ocorreu no último domingo dia 18/05 na cidade de Fundação, na Colômbia e resultou na morte de 32 crianças. O motorista contrato pelo Pastor da Igreja, não tinha habilitação e o veiculo estava circulando ilegalmente, pois estava em desacordo com as normas de transito vigentes naquele país.

O advogado de defesa esta pedindo a redução da pena, sob a alegação de que a situação dos réus não pode ser tratada como homicídio doloso, dizendo: “Se trata de um comportamento negligente e culposo, mas não intencional. Não se pode igualar como criminosos que buscam matar”, rejeitou a proposta da acusação na audiência e pediu que os acusados sejam julgados por “homicídio culposo agravado” que tem como pena no máximo 15 anos de reclusão.

No caso do pastor Manuel Ibarra (que contratou os serviços do motorista), acrescentou o advogado, é dado o fato de que “a filha dele estava entre as 31 crianças carbonizadas no ônibus. Este triste fato, comprova que ele não estava pré disposto a fazer mal às crianças”, o qual será requerido junto aos promotores que eles aceitem o caso como responsabilidade de forma proporcional do pastor e do motorista e não pela pressão da mídia.

Os advogados pediram que os detidos fossem levados para uma prisão, onde eles pudesse ter a sua integridade física preservada, ante relatos de que parentes das crianças mortas procuravam atentar contra a vida deles.

Leia mais aqui: http://blogs.odiario.com


www.amigosdebolso.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Seja bem vindo(a) ao Mix Gospel News.
Qual a sua opinião sobre o assunto postado aqui?

Postagens mais visitadas